A união da saúde física e mental gera mais motivação, inspiração e ação!

4 minutos para ler

O corpo e a mente devem trabalhar de forma conjunta, em prol da qualidade de vida e da transformação da consciência. Quem busca uma existência plena e intensa, precisa manter questões mentais, espirituais, físicas e até mesmo financeiras em equilíbrio para alcançar uma saúde física e mental de excelência.

Já imaginou levar a vida apaixonando-se por si mesmo? Amando seu corpo, suas escolhas e vivendo experiências que tornem a jornada cada dia mais interessante? Essa transformação é possível com a introdução alguns hábitos e comportamentos mais positivos.

Disposto a mudar e ser o próprio agente dessa mudança? Confira, então, 6 atitudes que podem te inspirar!

Praticar esportes radicais

Novos estudos em neurociência demonstram que se exercitar e aprender coisas novas podem aumentar as sinapses cerebrais, elevar a produção celular e geram uma série de emoções benéficas para a saúde.

Por que atividades radicais, além das práticas regulares, como caminhada e musculação? Essa modalidade, tanto solo como em grupo, ensina ao indivíduo a capacidade de resiliência — lidando com frustrações e desafios —, estimula a superação pessoal e ajuda na convivência com outras pessoas.

Viajar regularmente

Viajar, além de aliviar pressões do dia a dia, oferece aprendizado e empatia por outras culturas. Ajuda a conhecer novas pessoas, fazer amizades e criar memórias afetivas que inspiram a sair da zona de conforto e melhorar hábitos.

Olhar outras paisagens, visitar museus e viver novas experiências nos desconecta da web e redes sociais que, comprovadamente, se mostram nocivas quando utilizadas em excesso. E já reparou como você precisa se organizar para fazer o sonho de uma viagem se tornar realidade? Colocar o pé na estrada também capacita sua mente nesse sentido.

Adotar um pet

O contato com animais de estimação combate a depressão e, simultaneamente, o sedentarismo, pois coloca o corpo em movimento para brincar ou passear com o bichinho enquanto torna aquela pessoa menos solitária. É a união perfeita entre o físico e o mental.

Com horários preestabelecidos para alimentação, banho e outros cuidados, adotar um gato, cachorro ou outro pet favorece a criação de uma rotina e combate a procrastinação, causadora de estresse e enfermidades.

Trabalhar o autoconhecimento

“Conhece-te a ti mesmo e conhecerás os deuses e o universo.” Quem pensa que Sócrates foi pretensioso ao fazer a afirmação, não conhece o poder que o autoconhecimento tem para a mudança da realidade interior e exterior.

Ter ciência das próprias limitações e potenciais reduz a ansiedade, pois acalma a mente e dá clareza para encontrar melhores soluções para os conflitos da vida. Faz olhar para dentro e colabora também para a motivação.

Estar em contato com família e amigos

O lazer é uma necessidade. Quando realizado perto da família e amigos, seus efeitos podem ser ainda melhores. Sem contar que pessoas que vivem sozinhas costumam se exercitar menos e comer de maneira inadequada, fortalecendo o risco de problemas cardíacos e comportamentos compulsivos.

Ter uma alimentação consciente

O que nos leva a escolher um determinado alimento? Fome? Preocupação com a saúde? Ou alguma emoção mal atendida? A resposta para essa pergunta pode explicar como anda a sua inspiração e felicidade.

Sobre a influência da comida nas condições físicas, o Dr. Alberto Gonzalez, autor do livro “Lugar de médico é na cozinha”, detalha como uma dieta mais saudável — como a alimentação viva, por exemplo — pode ajudar no combate de doenças e aumento da longevidade.

Cabe relembrar que o que somos, por dentro e por fora, é fruto daquilo que comemos. Por isso, fazer escolhas alimentares conscientes pode eliminar hábitos destrutivos, manter a mente ativa, concentrada e beneficiar o bom funcionamento do organismo. É você quem caminha em direção à própria cura e muda o seu destino.

Percebeu como a saúde física e mental estão altamente interligadas? Por isso, busque sempre avaliar seus padrões comportamentais, colocar o corpo em movimento e, é claro, cercar-se de pessoas que estão nessa mesma “vibe” e podem ajudar nessa caminhada.

Gostou das dicas? Compartilhe conosco sua opinião sobre o tema e quais outras posturas tem adotado para agir em favor da sua renovação!

Você também pode gostar

Deixe uma resposta

-